E se você perder ou roubarem seu notebook?

Imagina só, você chega no trabalho, faculdade ou em qualquer outro lugar e acaba descobrindo que perdeu seu notebook ou pior, ele foi roubado. Além da perda financeira, em muitos casos um notebook pode conter muito mais informações pessoais do que um smartphone, então você deve estar pensando: Como me proteger?

Bom, na questão financeira, é altamente recomendado fazer um seguro dele no momento da compra (caso a loja já tenha uma parceria com alguma seguradora) ou logo após com uma seguradora de sua escolha. Agora, quanto a questão dos seus dados, não se engane pensando que só porque seu notebook tinha uma senha de usuário você está seguro, pois a pratica mais comum é a inserção do seu disco rígido (HD) em outra maquina (PC’s, notebook ou adaptadores) para acesso aos seus arquivos, onde uma senha do sistema operacional não serve de nada.

Com esta prática, o malfeitor pode fazer uma investigação social e obter sua senha de usuário ou algumas vezes com ajuda de softwares (que não é o foco do post), conseguir quebrar a mesma senha. Mas então, quem poderá nos ajudar? A resposta é… a criptografia de dados, isso mesmo, se o seu HD estiver criptografado, apenas quem possui uma “chave” conseguirá acessa-lo, então, até mesmo a investigação social no HD, que foi citada acima, não seria possível.

Ahh, mas você deve estar pensando que por ser um usuário comum não vai conseguir esta proeza, certo?! Errado, para nossa (ou a sua) felicidade, vou falar sobre as formas de criptografar seus dados nos sistemas operacionais Windows e Mac, assim você poderá faze-lo sem grandes conhecimentos técnicos. Vamos ver como?

No MAC:

Vou explicar primeiro no MAC, pois todos os modelos lançados depois de 2003, possui uma recurso chamado FileVault que criptografa toda a sua unidade de disco. Para realizar tal criptografia, basta abrir as preferências do sistema, ir para Segurança e Privacidade e selecionar a guia FileVault. Clique no botão “Ativar FileVault” para criar uma nova senha e iniciar a configuração de criptografia que é totalmente intuitiva, lendo as instrução na tela com atenção, qualquer pessoa consegue concluir a configuração.

No Windows:

Se você possui um notebook com o sistema operacional Windows 10, você também conta uma criptografia própria do sistema e que já vem ativa de fábrica. Para consultar esta informação e também configura-la, basta ir em Configurações > Sistema > Sobre e localizar “Criptografia do Dispositivo”. Vale ressaltar que, para ter acesso a este recurso, você estar logado no Windows com uma conta Microsoft. Porém, alguns notebook, mesmo logado em uma conta Microsoft não ativam esta opção, até o momento não encontrei (nem mesmo no suporte da Microsoft) se existe alguma especificação de hardware para ativar.

Outra forma de criptografar um HD com Windows, é utilizando o BitLocker, que também já vem instalados nas versões Professional (Pro) ou superior. Para ativa-lo é muito simples, clique no botão Iniciar do seu teclado e digite criptografia, e nos resultados selecionar Gerenciar o BitLocker. Caso queira fazer a ativação sem atalhos, vá até o painel de controle do windows > Sistema e Segurança > Gerenciar o BitLocker, dai é só configurar selecionando a unidade do sistema e clicar em “Ativar o BitLocker”.

Contudo, lembre-se que sem esta chave criada, nem mesmo você conseguirá descriptografar seus dados quando necessário, então guarde-a em um local seguro e que você lembre-se futuramente.

E agora? Sente-se mais seguro em caso de qualquer tipo de perda do seu notebook? É claro que o livre, pois a dor também aparece no bolso, mas ao menos as informações que estão dentro do seu HD, estão seguras.